sábado, 19 de abril de 2014

MY WORK: project "Faces of India"



















Ilustration 02 - Goa -

Travel Books # 02

Para ser sincera, uma das coisas que mais procuro quando viajo, é comer.
Adoro experimentar novos sabores, novas texturas, variar a ementa o mais possível e como fã que sou da comida asiática, a gula tem sido o meu pecado favorito. (E estou a escrever isto, enquanto como)
O Anthony Bourdain, basicamente é um homem que tem a profissão que eu adoraria ter: ser pago para viajar e comer! Pois bem, ele tem esse mérito e depois de ter lido este livro, percebo que ele de facto é a pessoa certa para fazer o que faz. Confesso que o pior de viajar durante algum tempo, é de não ter um espaço para poder cozinhar quando apetece...mas levo daqui muita vontade para cozinhar todos estes petiscos Made in Asia.
Adorei o livro. Abriu-me o apetite várias vezes e não ofereci qualquer tipo de resistência.

"The book, released in 2000, is both Bourdain's professional story and a behind-the-scenes look at restaurant kitchens. The book is known for its treatment of the professional culinary industry. The commercial kitchen is described as an intense, unpleasant and sometimes hazardous place of work staffed by what he describes as misfits. Bourdain believes it's no place for hobbyists and all those entering this industry will run away screaming if they lack a masochistic, irrational dedication to cooking."





sábado, 15 de março de 2014

Ads: "Blowing in The Wind" by Apotek Hjärtat


Ad Agency Clear Channel

Travel Books # 01







































"The White Tiger is the debut novel by Indian author Aravind Adiga. It was first published in 2008 and won the 40th Man Booker Prize in the same year.[1] The novel provides a darkly humorous perspective of India’s class struggle in a globalized world as told through a retrospective narration from Balram Halwai, a village boy."

Ler este livro durante uma longa e intensa trip pela Índia, faz tanto sentido como ir para o Brasil no Carnaval.
Adorei o livro, pela sua história, mas sobretudo pelo diálogo que o autor consegue manter com leitor durante todo o livro. Tendo em conta, que também foi o primeiro livro que li em inglês (vamos ignorar este facto), posso dizer que se lê muito facilmente, e uma vez que se pega no livro, não se consegue parar de virar páginas.
Muitas das coisas que assisti e observei na Índia, passaram a fazer muito mais sentido e basta um livro ter a sua personalidade, uma boa narrativa e o seu quê de humor, que tem toda a minha atenção.

Namaste Aravind.

quarta-feira, 12 de março de 2014

MY WORK: project "Faces of India"



















Ilustration 01 - Mumbai -

"Um homem precisa viajar para lugares que não conhece para quebrar essa arrogância que nos faz ver o mundo como o imaginamos, e não simplesmente como ele é ou pode ser(...)" - Amyr Kink -

Decidi no final de 2013, que iria começar uma nova etapa da minha vida. Uma etapa, muito desejada e merecida. Viajar pelo mundo, com ponto de partida na Índia. Tem sido uma aprendizagem constante e intensa. Por mim, mudava já de profissão e tornaria-me "executora profissional de sonhos"...
Como seria de esperar, viagens destas são sempre uma excelente fonte de inspiração e foi por isso que decidi, numa bela tarde de praia em Goa, que iria fazer este projecto. Ilustrar momentos que marcam a minha passagem pelas várias cidades que fui visitando, dando-lhes um rosto.

Peço desculpa, mas não tenho mesmo jeitinho nenhum para escrever sobre os meus projectos. 
Fui.

quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

Comentários no YouTube viram filmes by Dead Parrot

Quem se lembrou do conceito foi um dos meninos-prodígio da Internet, o inglês Adrian Bliss, que produziu para uma trupe cómica – os Dead Parrot, referência à rábula dos Monty Python – uma série a que chamou YouTube Comment Reconstructions.

Basicamente, tiveram a ideia genial de fazer pequenas cenas filmadas à maneira de um film noir e cujos diálogos entre os dois personagens são tirados, palavra por palavra, frase por frase, das discussões mais estapafúrdias e insanas e ridículas que acontecem na zona de comentários do YouTube.
O canal no youtube é Dead Parrot, com todos os restantes vídeos desta série – cinco, até agora, com um sexto já pronto para sair.

BRILHANTE!!!




Rule #09

"Se recomienda usar el pasado como trampolin, no como sofa!"
El Arquitecto De La Vida

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

"Seguem as alterações do cliente" by Matheus Santana



Nada se perde, nada se cria, tudo se altera. Trabalho de conclusão de curso do aluno Matheus Santana.

Cada vez que me perguntarem qual é a minha profissão ou o que é trabalhar numa agência ou ainda se vivo stressada, eu carrego no play.
Thx CCSP - Clube de Criação de São Paulo

"Happy Holidays" by Victors&Spoils and Photoshop



Thx J.E.